Prana Filmes

Programação Cinema e Música Erudita

24 de setembro de 2020

A Prana Filmes promove programação online e gratuita sobre cinema e música erudita. Entre os dias 23 de setembro e 11 de outubro, estarão disponíveis o longa-metragem “Sal de Prata”, de Carlos Gerbase, e o vídeo da gravação da trilha sonora do filme, que é executada pela Orquestra de Câmara da Ulbra, conduzida pelo maestro Tiago Flores.

No dia 06 de outubro, às 19 horas, teremos um bate-papo com Tiago Flores ao lado do compositor e instrumentista Arthur Barbosa, autor de um tema musical do filme “Sal de Prata”, sobre a música erudita no cinema e trilhas sonoras.

Datas e links das atividades:

– 06 de outubro – 19h

Bate-Papo com os músicos Tiago Flores e Arthur Barbosa – https://youtu.be/iqJ4o7VufB4

– 23 de setembro a 11 de outubro

Exibição do filme “Sal de Prata” e do making of da trilha sonora. Formulário para acesso – https://forms.gle/2vjTDKwkQonLubxy8

Sal de Prata (Dir. Carlos Gerbase, 2005, 96 min)

Sinopse:
Cátia, uma bem-sucedida economista, precisa repensar sua vida quando seu namorado Veronese, um cineasta polêmico, sofre um ataque cardíaco, deixando um passado obscuro, uma loja de artigos fotográficos, alguns curtas-metragens realizados e muitos roteiros no computador.

Debatedores:

Tiago Flores é graduado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul sob a orientação de Arlindo Teixeira. Especializou-se em regência orquestral em São Petersburgo (Rússia) com Victor Fedotov. Foi diretor artístico da OSPA nos anos de 1999 a 2001 e 2011 a 2014. Regente da Orquestra de Câmara da ULBRA desde sua fundação, vem recebendo inúmeros elogios da crítica especializada e tendo contribuído, em muito, para o reconhecimento do conjunto como um dos melhores do gênero no país. Recebeu o prêmio Melhores da Cultura 2005, conferido pela Secretaria da Cultura do Estado do Rio Grande do Sul, prêmio Açorianos de Melhor CD Instrumental em 2006, e premio Açorianos de Melhor Espetáculo 2008 com o Show “Beatles – Magical Classical Tour”.

Arthur Barbosa é envolvido com a música desde seus dez anos de idade e é violinista da Ospa desde 1998. Compõe desde seus 14 anos e tem vasta experiência como músico de orquestra, tendo sido membro de mais de dez orquestras profissionais e Spalla de algumas delas. Tem regido como maestro convidado com frequência orquestras no Brasil, nos Estados Unidos e na Europa como a OSBA (Bahia) , Filarmônica de Granada (Espanha) , Orquestra do “The National Music festival” (EUA), OSPB (Paraíba), OSPA, Terra Symphony Orchestra (Nova York), Camerata Antiqua (Curitiba), entre outras. Desde fevereiro de 2012, ocupa o cargo honorífico de Diretor Artístico e Regente Titular da Orquestra Eleazar de Carvalho em Fortaleza (CE) e desde março de 2014 é responsável e regente da Ospa Jovem em Porto Alegre (RS).

Execução do PRONAC 192802 em tempos de COVID-19.