“Melhor que 2020”: Luciana Tomasi avalia o ano da Prana Filmes

Luciana Tomasi é produtora da Prana Filmes - Divulgação

Produtora destacou a preocupação da empresa com as medidas de prevenção à Covid-19

Luciana Tomasi é produtora da Prana Filmes – Divulgação
Publicado em 30 de novembro de 2021 às 13h00

A retomada do cinema presencial e a amenização dos protocolos de distanciamento foram um alívio para a Prana Filmes em 2021, conforme avaliou a produtora Luciana Tomasi em entrevista ao Coletiva.net: “Foi melhor que 2020”. Ao longo do ano foi possível dar prosseguimento às gravações do seriado ficcional ‘Centro Liberdade’, feito a partir de um edital de 2018. No entanto, apesar dessa volta gradual à rotina pré-pandemia, a segurança não foi esquecida. “Tivemos acompanhamento de enfermagem para testes diários de Covid e uso de material de prevenção”, ressaltou.

Outros pontos positivos para a empresa ao longo do ano foram a elaboração de uma programação on-line e a reabertura das salas de exibição. Entre as principais conquistas, Luciana destaca o lançamento internacional do longa ‘A Nuvem Rosa’ na grade do Festival de Sundance 2021, um dos mais importantes eventos de cinema independente. O filme também segue em exibição na programação do canal Telecine.

Mesmo com as dificuldades econômicas da pandemia, a produtora celebra que a empresa encerra o ano sem demissões de funcionários e nenhum caso de Covid-19 entre a equipe do seriado, que reuniu por volta de 70 pessoas. Sobre as metas de faturamento, Luciana afirma que não houve grandes avanços, mas também nenhuma perda. “Mantivemos a média de faturamento e de nível de pagamento dos prestadores e fornecedores. Continuamos sendo econômicos e gastando o necessário para manter o padrão de qualidade artística”, explicou.

Para o ano que vem, ela espera que os editais federais e estaduais voltem a ser lançados, pois são essenciais para a manutenção das produtoras. Também tem expectativa que a Ancine, o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) e o Fundo Setorial do Audiovisual (FSA) voltem a realizar os concursos. “Movimentamos a economia audiovisual de uma forma vigorosa e criativa, mas dependemos de incentivos”, concluiu.

Fonte: https://www.coletiva.net/noticias/-melhor-que-2020-luciana-tomasi-avalia-o-ano-da-prana-filmes,406907.jhtml

Compartilhar

Mais Notícias

Farol Santander abre a exposição “Sioma Breitman, o retratista de Porto Alegre” em homenagem aos 250 anos da capital gaúcha

18/01/2022 a 24/04/2022 • Com mais de 200 fotos feitas pelo icônico fotógrafo Sioma Breitman (1903-1980), incluindo imagens inéditas, Porto Alegre volta a receber uma exposição sobre o trabalho de Breitman após 19 anos;• Nascido na Ucrânia, Sioma Breitman escolheu o Rio Grande do Sul como casa e retratou as facetas urbanas e rurais do Estado […]

18 de January de 2022

Cine Farol Santander – Programação online de Janeiro

Em sua programação online de janeiro, o Cine Farol Santander exibe gratuitamente dois representantes do novo cinema europeu: “Tesnota”, do russo Kantemir Balagov, e “Western”, da alemã Valeska Grisebach. Tesnota, de Kantemir Balagov2017, Rússia, Drama, 118 minutos. Classificação Indicativa: 16 anos.1998, Nalchik, norte do Cáucaso, na Rússia. Ilana tem 24 anos e trabalha na garagem […]

17 de January de 2022

Cursos gratuitos de formação audiovisual para jovens estão com inscrições abertas em Porto Alegre

Atividades acontecem desta terça (11) até 20 de janeiro para crianças e adolescentes entre 10 e 16 anos. Por g1 RS11/01/2022 05h02 Crianças e adolescentes interessados pela linguagem cinematográfica têm oportunidade de participar de cursos gratuitos, em uma parceria entra a produtora Prana Filmes e o Cine Farol Santander, em Porto Alegre. As atividades são presenciais […]

11 de January de 2022

Release Rundown: ‘The Pink Cloud’ Descends in 2022, and We Recall the Impactful Sundance Titles of 2021

12.30.21 A “graduate” of the 2021 Sundance Film Festival ushers in the first batch of 2022 theatrical releases, giving independent-film fans one more viewing option before the 2022 Festival unleashes a new bounty of inventive cinema on the world. The Pink Cloud, a Brazilian film that eerily pre-imagined a world in lockdown, releases January 14. […]

10 de January de 2022
Voltar