Prana Filmes

Turma 5B

Turma 5B

(Série de TV em 13 episódios, 2018)

A 5B é a turma mais caótica, esperta e rebelde que o Colégio General Coelho já viu. Desesperada, a diretora Adelaide contrata um novo orientador educacional para tentar dar um jeito na situação. Mas a batalha dele não será nada fácil.

 

Créditos
Direção: Iuli Gerbase
Roteiro: Iuli Gerbase, Tatiana Nequete e Luis Mario Fontoura
Produção: Luciana Tomasi
Montagem: Bruno Carboni e Alexander Desmouceaux
Diretor de Fotografia: Bruno Polidoro
Direção de Arte: Ana Júlia Fortes
Música Original e Desenho de Som: Augusto Stern e Fernando Efron

Elenco Principal
Felipe Kannenberg (Ricardo)
Nadya Mendes (Adelaide)
Juh Vargas (Rita)
Helena Becker (Lisa)
Francisco Fleck (Fabinho)

 

Festivais
O episódio 9 da série (“Dia das Nações”) foi editado como curta-metragem e exibido nos seguintes festivais:

  • 17ª Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis
  • 19º Festivalzinho de Cinema de Vitória
  • 20º Fest Curtas BH – Mostra Infantil

 

Na Imprensa
“Começam agora em janeiro as gravações da série televisiva Turma 5B, com direção de Iuli Gerbase e produção da Prana Filmes. Voltado ao público infantil, o programa conta a história de uma turma de quinto ano do ensino fundamental, a 5B,que é tão esperta quanto bagunceira.”
(Roger Lerina, GAÚCHA-ZH, 25/12/2016)

“Com produção da Prana Filmes, a série apresenta a turma da quinta série que enlouquece o fictício Colégio General Coelho. (…) Para a série, foram testados 185 atores mirins, até que fossem encontrados os nove principais, além das coadjuvantes. Há quem já cursava teatro (casos de Helena Becker e Ana Júlia Vargas) e quem já havia atuado em peças publicitárias (Ezequias), mas grande parte dos jovens atores não tinha nenhuma experiência com as câmeras.”
(William Mansque, GAÚCHA-ZH, 13/02/2017)

“Três turmas, professores ensandecidos, alunos rebeldes e bagunceiros e uma escola de pernas para o ar. Esse é o pano de fundo de Turma 5B, série dirigida por Iuli Gerbase, com produção da Prana Filmes. (…) Fugindo do aspecto de programa educativo, Iuli explica que o intuito era fazer com que em cada episódio os pequenos espectadores aprendessem alguma coisa, mas que isso ocorresse de forma divertida, não didaticamente.”
(Luiza Fritzen, JORNAL DO COMÉRCIO, 14/02/2017)