Prana Filmes

Exposição Moacyr Scliar, O Centauro do Bom Fim

25 de fevereiro de 2019

Realizada no Santander Cultural entre 16 de setembro e 16 de novembro de 2014, a exposição retratou a vida e obra do escritor e médico porto-alegrense Moacyr Scliar (1937 – 2011), destacando as múltiplas atividades profissionais e artísticas do autor integrante da Academia Brasileira de Letras. Também foram promovidas diversas atividades simultâneas, como oficinas, seminários, palestras, mostras de cinema com curtas e longas-metragens inspirados na obra de Scliar, espetáculos de dança e música e teatro. A exposição recebeu mais de 103.700 visitantes, incluindo mais de 11.000 estudantes.

 

Créditos:
Idealização: Judith Scliar
Curadoria: Carlos Gerbase
Produção e Coordenação: Luciana Tomasi
Concepção e Roteiro Original: Gabriel Oliven
Projeto Expográfico: Vicente Saldanha
Desenvolvimento do Projeto Expográfico: Eduardo Saorin

 

Na Imprensa
“Um curto corredor liga a Bessarábia, região da atual república da Moldova (Leste Europeu), ao bairro Bom Fim, em Porto Alegre. Na estrutura fabular armada no prédio do Santander Cultural na capital gaúcha, os poucos, passos entre esses dois pontos tão distantes na escala real sintetizam vida e obra de Moacyr Scliar. O escritor gaúcho é tema de uma grande exposição que começa hoje em Porto Alegre. Até o dia 16 de novembro, a vasta obra do autor (romances, crônicas, contos, infantis) será destrinchada em oficinas, filmes, peças e danças.”
(Marco Rodrigo Almeida, FOLHA DE SÃO PAULO, 17/09/14)

“Há, ainda, documentos, manuscritos, datiloscritos e fotos originais, a máquina de escrever, o discurso de formatura da faculdade de Medicina, o fardão da Academia Brasileira de Letras, as estatuetas do Jabuti, uma estátua dele como jogador de basquete. Quem quiser ler os livros, basta pegar um dos tablets e sentar numa das poltronas espalhadas pela exposição – com eles, também é possível acessar o site dedicado ao autor. Os infantojuvenis estão ali, em papel, para serem manuseados pela criançada. Pelas paredes, reproduções de capas e de textos do autor.”
(Maria Fernanda Rodrigues, O ESTADO DE SÃO PAULO, 16/09/14)

“Com curadoria de cineasta Carlos Gerbase, a mostra revela um pouco da vida pessoal do autor e é dividida em ambientes fundamentais para entender sua formação cultural, como uma recriação da casa onde morava no bairro do Bom Fim, em Porto Alegre. Agora, está em negociação levar a mostra para outras cidades brasileiras, o que possibilitaria que um maior número de pessoas possa mergulhar na vida e obra de um dos grandes escritores brasileiros do final do século 20.”
(Daniel Solyszko, ISTO É, 26/09/14)

“‘A ideia foi fazer uma mostra diferente, que fosse quente e ao mesmo tempo carinhosa’, explica o cineasta Carlos Gerbase, que assina a curadoria da exposição. (…) Entre os ambientes da exposição está a reprodução do bairro Bom Fim, onde Scliar viveu a vida inteira, e também dos ambientes da casa onde cresceu. Os textos explicativos são reproduzidosda própria obra do autor, que se definia ‘um contador de histórias’.”
(Mônica Kanitz, METRO, 16/09/14)

“SENSACIONAL
Um dos pontos altos da exposição sobre Moacyr Scliar inaugurada ontem no Santander Cultural é a Travessia – uma passarela coberta que representa a viagem oceânica entre a Europa e o Bom Fim. Tem até aroma de mar, que é injetado no ambiente por uma máquina especial.”
(ZERO HORA, 17/09/14)

“Com curadoria de Carlos Gerbase e consultoria literária de Regina Zilberman, o projeto, realizado pelo Santander Cultural, apresenta os mundos de Scliar, integrante da Academia Brasileira de Letras, vencedor de três prêmios Jabuti e de um prêmio Casa de LasAmericas.”
(Eduardo Bins Ely, JORNAL DO COMÉRCIO, 11/09/14)

“Dividida em vários ambientes, o visitante poderá conhecer os lugares onde o escritor frequentou no bairro Bom Fim, sua casa de infância e seus manuscritos, além de ouvir trechos de seus livros exibidos em vídeos e tablets.”
(CORREIO DO POVO, 17/09/14)

 

Assista ao vídeo da exposição: